menu
Voltar

Eleições 2020: conheça as Lideranças RAPS eleitas em 1° turno

16 de novembro de 2020

Eleições 2020: conheça as Lideranças RAPS eleitas em 1° turno

Neste domingo, mais de 147,9 milhões de eleitores puderam votar para escolher seus candidatos e candidatas em 5.567 municípios em todo o país nas eleições de 2020. Com mais de meio milhão de candidatos (556.033), foi o maior pleito municipal da história do Brasil, de acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Encerrada a apuração, das 187 lideranças políticas da rede da RAPS que saíram candidatos(as), 50 foram eleitas a um cargo eletivo, sendo 10 prefeitos(as) e 40 de vereadores(as). Isso significa que uma a cada quatro lideranças da RAPS foi eleito(a) já neste domingo (15.11). Outras 12 lideranças da RAPS seguem na disputa do 2° turno.

As lideranças já eleitas representam 26% dos membros da RAPS que concorrem nas eleições 2020. O número é mais que o dobro do obtido no pleito municipal de 2016, e ainda deve crescer com os resultados do segundo turno. Os números apontam o melhor resultado da RAPS em eleições desde o início da organização. Apenas no 1° turno, foram 3.681.486 votos ao todo, sendo 2.212.547 deles conquistados pelos candidato(as) eleitos(as) ou que disputam o 2º turno.

Números expressivos

187 lideranças RAPS* concorreram a um cargo nestas eleições. O número de candidaturas de lideranças é o maior da organização em eleições e mais que dobrou em relação ao pleito municipal de 2016.

As lideranças eleitas representam 18 diferentes partidos, 44 cidades e 15 estados. Desse total, 16 são mulheres (32%), 3 pardos (6%) e 6 pretos (12%).

As eleições 2020 marcam um recorde de lideranças femininas da RAPS eleitas. Em 2016, foram quatro eleitas. Em 2018, foram nove. Desta vez, foram eleitas 16 mulheres, maior quantidade da história da organização em eleições.

Além disso, 27 membros da RAPS foram eleitos em municípios com mais de 200 mil habitantes.

Destaques nas prefeituras

10 membros da RAPS foram eleitos prefeitos(as) em 1º turno. Edilson Tavares (MDB-PE) em Toritama (PE); Miguel Coelho (MDB-PE) em Petrolina (PE) e Raquel Lyra (PSDB-PE) em Caruaru (PE) foram reeleitos. Além deles, conquistaram o cargo Alysson Bezerra (SD-RN) em Mossoró (RN), Arão Josino (PSD-SC) em Ascurra (SC), Axel Grael (PDT-RJ) em- Niterói (RJ), Bruno Cunha Lima (PSD-PB) em Campina Grande (PB), Guto Issa (PODE-SP) em São Roque (SP), João Marcelo Dieguez (Cidadania-MG) em Nova Lima (MG) e Luiz Paulo (PP-MG) em Curvelo (MG).

No 2º turno, nove lideranças disputarão o cargo de prefeito. Quatro deles buscam a reeleição: Edvaldo Nogueira (PDT-SE) em Aracaju (SE), Guti (PSD-SP) em Guarulhos (SP), Mário Hildebrandt (PODE-SC) em Blumenau (SC) e Paula Mascarenhas (PSDB-RS) em Pelotas (RS). Também concorrerão ao cargo Caio Cunha (PODE-SP) em Mogi das Cruzes (SP), Duarte Jr. (Republicanos-MA) em São Luis (MA), João Campos (PSB-PE) em Recife (PE), Kayo Amado (PODE-SP) em São Vicente (SP) e Loreny (Cidadania-SP) em Taubaté (SP).

Confira as Lideranças RAPS eleitas em 1° turno

– Prefeitos(as)

Alysson Bezerra (SD-RN) – Mossoró (RN)
Arão Josino (PSD-SC) – Ascurra (SC)
Axel Grael (PDT-RJ) – Niterói (RJ)
Bruno Cunha Lima (PSD-PB) – Campina Grande (PB)
Edilson Tavares (MDB-PE) – Toritama (PE)
Guto Issa (PODE-SP) – (São Roque (SP)
João Marcelo Dieguez (Cidadania-MG) – Nova Lima (MG)
Luiz Paulo (PP-MG) – Curvelo (MG)
Miguel Coelho (MDB-PE) – Petrolina (PE)
Raquel Lyra (PSDB-PE) – Caruaru (PE)


– Vereadores(as)

Alliny Sartori (MDB-SP) – Ibitinga (SP)
André Fraga (PV-BA) – Salvador (BA)
André Meirinho (PP-SC) – Balneário Camburiú (SC)
André Vechi (DC-SC) – Brusque (SC)
Amália Tortato (NOVO-PR) – Curitiba (PR)
Bruno Cunha (Cidadania-SC) – Blumenau (SC)
Carlos Bezerra Jr. (PSDB-SP) – São Paulo (SP)
Cesar Brizolara (PSB-RS) – Pelotas (RS)
Cristina Monteiro (NOVO-SP) – São Paulo (SP)
Diego Guimarães (Cidadania-MT) – Cuiabá (MT)
Dori Silva (REDE-SP) – Mairiporã (SP)
Franciele Back (PSDB-SC) – Gaspar (SC)
Gabriel Azevedo (PATRI-MG) – Belo Horizonte (MG)
Indiara (NOVO-PR) – Curitiba (PR)
Janaína Lima (NOVO-SP) – São Paulo (SP)
Janayna (PL-SC) Itapoá (SC)
Jorge Amaro (PP-RS) – Mostardas (RS)
José Pugliesi (MDB-SP) – Guaíra (SP)
Leandro Morais (PSDB) – Pouso Alegre (MG)
Lins Robalo (PT-RS) – São Borja (RS)
Lucas Gotardo (NOVO-SC) – Balneário Camburiú (SC)
Lucas Arruda (REDE-MG) – Poços de Caldas (MG)
Luiz Emanuel Zouain (Cidadania-ES) – Vitória (ES)
Macaé Evaristo (PT-MG) – Belo Horizonte (MG)
Maiara Campos (MDB-CE) – Palmácia (CE)
Marcela Trópia (NOVO-MG) – Belo Horizonte (MG)
Marcelo Silva (PSD-SP) – Campinas (SP)
Marcos Papa (Cidadania-SP) – Ribeirão Preto (SP)
Maryanne Mattos (PL-SC) – Florianópolis (SC)
Moisés Barbosa ‘Maluco Do Bem’ (PSDB-RS) – Porto Alegre (RS)
Péricles Régis (MDB-SP) – Sorocaba (SP)
Professor Bittencourt (PCdoB-SE) – Aracaju (SE)
Ralf Silva (PL-SP) – Iracemápolis (SP)
Ramon Novaes (PT-BA) – Quixabeira (BA)
Rochelle Gutierrez (PP-MG) – Uberaba (MG)
Rodrigo Paixão (PDT-SP) – Vinhedo (SP)
Sabrina Garcez (PSD-GO) – Goiânia (GO)
Thainara Faria (PT-SP) – Araraquara (SP)
Thiago Lucena (PRTB-PB) – João Pessoa (PB)
Washington Bortolossi (Cidadania-SP) – Itatiba (SP)

Confira as Lideranças RAPS que disputarão o 2° turno

– Prefeitos(as)

Caio Cunha (PODE-SP) – Mogi das Cruzes (SP)
Duarte Jr. (Republicanos-MA) – São Luis (MA)
Edvaldo Nogueira (PDT-SE) – Aracaju (SE)
Guti (PSD-SP) – Guarulhos (SP)
João Campos (PSB-PE) – Recife (PE)
Kayo Amado (PODE-SP) – São Vicente (SP)
Loreny (Cidadania-SP) – Taubaté (SP)
Mário Hildebrandt (PODE-SC) – Blumenau (SC)
Paula Mascarenhas (PSDB-RS) – Pelotas (RS)

– Vice-prefeitos(as)

Felipe Wellaton (Cidadania-MT) – Cuiabá (MT)
João Arnaldo (PSOL-PE) – Recife (PE)
Robertinho Couto (PSB-PE) – Paulista (PE)

Mapa de Candidaturas
A RAPS lançou em outubro o seu Mapa de Candidaturas das eleições municipais de 2020. Nele estão as 187 lideranças da organização que concorreram ao pleito neste ano. Para saber mais e conhecer todos(as) os candidatos(as), acesse raps.org.br/candidatos-2020.


* Devido à crise no fornecimento de energia elétrica em Macapá (AP), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu pelo adiamento das eleições no município, que tem duas lideranças da RAPS que concorrem ao pleito.


Tags

Últimas do blog

19 de novembro de 2020

Frente Ambientalista debate reforma tributária sustentável com diversos setores

A Frente Parlamentar Ambientalista promoveu em 18 de novembro um debate sobre a relação entre a Reforma Tributária, em discussão no Congresso Nacional, e a economia verde. O evento contou com a participação de diversos setores, incluindo deputados representantes de frentes parlamentares, da indústria, de [...]

Leia Mais
19 de novembro de 2020

Boletim Covid-19 #30: Principais medidas do poder público federal

Na 30ª edição do nosso boletim semanal com as atualizações de medidas anunciadas pelo poder público federal frente à pandemia do novo coronavírus, destacamos que o Governo prorrogou a suspensão da entrada de estrangeiros por via terrestre e aquaviária e que o Ministério da Saúde [...]

Leia Mais
16 de novembro de 2020

Eleições 2020: conheça as Lideranças RAPS eleitas em 1° turno

Neste domingo, mais de 147,9 milhões de eleitores puderam votar para escolher seus candidatos e candidatas em 5.567 municípios em todo o país nas eleições de 2020. Com mais de meio milhão de candidatos (556.033), foi o maior pleito municipal da história do Brasil, de [...]

Leia Mais
RAPS