Empreendedores Cívicos debatem sobre política e sustentabilidade

Publicado em 20/04/2016

tardeOs Empreendedores Cívicos RAPS 2016 tiveram no Seminário de Apresentação e Integração, evento ocorrido dia 16/04, uma oportunidade de discutirem temas alinhados à proposta de ação política da organização.

Os temas discutidos foram: Campanhas e Mobilização, tendo como facilitadores o Líder RAPS e prefeito de Bauru, Rodrigo Antônio de Agostinho Mendonça, juntamente com o colaborador e também Líder RAPS Fernando Latorre; Sustentabilidade e Cidades, conduzido pelo Líder RAPS e colaborador Zysman Neiman e pela colaboradora Juliana Freire; e Observatório da Cidadania: concepção, facilitado pelo Empreendedor Cívico Ivo Herzog e pelo Líder RAPS e colaborador André Previato.

O desafio de se combater uma ótica reducionista sobre o conceito de Sustentabilidade, associando esse termo exclusivamente à questão ambiental, foi uma das implicações abordadas na roda de debate Sustentabilidade e Cidades: “Há uma confusão, no próprio Poder Público, em se colocar Sustentabilidade apenas como sinônimo de meio ambiente. E isso barra muitas iniciativas, fazendo com que muita coisa não vá para frente”, argumentou a Empreendedora Cívica Bianca Colepicolo, ingressante na turma deste ano.

Na discussão promovida pelos facilitadores Herzog e Previato, uma das indagações levantadas foi como melhorar a comunicação entre a sociedade civil e os agentes públicos, possibilitando mais qualidade na reivindicação de demandas. “Precisamos preparar as pessoas para que estas, com objetividade, saibam dizer o que elas esperam de fato do Poder Público e possam pressioná-lo da melhor forma possível”, salientou a Empreendedora Francivane Fernandes da Silva.

O Empreendedor Jorge Maranhão, na roda de debate sobre Campanhas e Mobilização, sugeriu à RAPS que fosse feito uma pesquisa, a nível nacional, de casos de candidaturas que de forma inovadora conseguem trabalhar conceitos como a transparência e a ética, por exemplo. Ponto este também defendido por Ana Marina de Castro, Empreendedora, que trouxe a necessidade do conceito da Sustentabilidade ser abordado da forma mais concreta possível, aplicando-se ao dia-a-dia das pessoas.

Os debates aconteceram na parte da tarde do evento e promoveram tanto uma troca de experiências como também serviram de celeiros para novas iniciativas.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *