Jovens RAPS 2013, 2014 e 2015 promovem amizade cívica

Publicado em 05/04/2016

jovens
Experiência de Líderes RAPS em campanhas eleitorais e debate sobre a crise política brasileira foram alguns focos do evento

Neste sábado (02/04), ocorreu na sede da organização, em São Paulo, o primeiro Encontro de Jovens RAPS das turmas 2013, 2014 e 2015. Com o objetivo de promover a amizade cívica e a troca de informações entre os antigos membros do projeto, o evento reuniu discussões acerca das campanhas dos Líderes RAPS, trouxe informações sobre o Programa Eleitoral RAPS, e foram abordadas questões referentes ao momento político atual do país e do Desafio Jovens RAPS 2016.

Elogiado pelos presentes e pelos convidados, por demonstrar um “clima agradável e inspirador”, por volta das 10h o coordenador do encontro, o Líder RAPS Fernando Prestes Maia, realizou a abertura. Em seguida, ele passou a palavra ao Líder RAPS Fernando Holanda, que fez uma pequena análise sobre alguns pontos de sua cidade natal, Recife, focando nos temas clima e mobilidade urbana. Além disso, Holanda também reafirmou seu compromisso com a entidade e contou sobre a experiência adquirida. “Costumo dizer, na minha região, que sou filho da RAPS. Toda a mobilização que pratico foi aprendida aqui neste espaço”.

Logo após, Holanda apresentou dados de uma pesquisa que, segundo ele, são consequências de uma má conduta encabeçada pelo homem urbano. “Na verdade, não temos problemas globais. O que existem são dificuldades nas cidades. Os centros metropolitanos representam apenas 2% do espaço ocupado no mundo. No entanto, em 2030 há uma expectativa de que 80% da população mundial ocupe as cidades”, declarou.

A Líder RAPS Alessandra Monteiro, que possui experiência em disputa eleitoral, sendo a 4ª mais votada de sua região com mais de 16 mil votos, abordou o tema sustentabilidade do candidato. “É necessário cuidar da sua própria saúde. Para isso, você precisa que outras pessoas estejam candidatas ao seu lado”. Alessandra revelou que um grupo de amigos a ajudou quando foi candidata a deputada estadual, há cerca de dois anos, pois sua campanha teve poucos recursos financeiros.

Com uma postura bastante parecida com a de Alessandra, o Líder RAPS Thiago Rocha também falou durante o Encontro dos Jovens RAPS das primeiras três turmas do projeto. “Se você deseja alguma coisa então precisa se estruturar. Dá para fazer com pouco dinheiro. Não adianta pensar ‘eu não tenho nada e não vou conseguir’. Você tem, sim! Tem a sua vontade de vencer. Mobilize algumas pessoas e chame outras para te ajudar”, disse Thiago.

O Líder RAPS e colaborador Fernando Latorre deu informações sobre o Programa Eleitoral RAPS e declarou que a entidade está aberta aos pré-candidatos que tenham interesse de participar do novo programa. No período da tarde, o coordenador do evento, Fernando Prestes Maia, com o objetivo de estimular o debate entre os presentes, apresentou materiais como reportagens, fotografias, charges e pesquisas acerca do atual momento da política brasileira.

Além disso, de acordo com Maia, parece que parte dos brasileiros está voltando a se preocupar com questões básicas de vida, como água, alimentação e segurança. Após a discussão entre os presentes, o coordenador do evento ressaltou a importância de tanto oposicionistas quanto governistas ouvirem os “novos sujeitos políticos, desde a empregada doméstica, que cobra seu empregador por direitos, até os black blocs”.

Ao final do evento, alguns representantes dos Desafios Jovens RAPS 2014 e 2015 fizeram breves resumos de seus projetos e contaram sobre a experiência adquirida. Os membros Andrey Brito, Fabricio Araújo de Castro e Silva, Irina Frare Cezar, Marina Andrade, Rafael Luchini e Samuel Oliveira apontaram os resultados positivos e expuseram críticas construtivas à entidade, com o objetivo de evitar equívocos e dar continuidade aos acertos.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *